retalhos

Wednesday, September 22, 2010



Quando as palavras me traíram,
o mar revoltou-se à minha volta
toda a estabilidade que trazia
perdeu-se numa reviravolta....

A ansiedade e o medo
roubaram-me o respirar....
sem fome e ali ao relento
não reconheci este estranho lugar...

Lutei... agarrada ao leme..
contra estas ondas desconhecidas...
lutei...encostada a ti..
contra enormes vagas esquecidas..

nesta louca tempestade, avistei
uma pequena passagem
se era certa ou não, acreditei
e ganhei à vida nova vantagem...

o barco que me levava, acalmou...
mas do outro lado, o mar ainda geme
por aqui a calmaria já voltou...
.... nesta viagem, este é o meu leme...